Strada consolida liderança: 73,8 mil unidades no ano
Já era esperada a queda de vendas em agosto, uma vez que julho foi um mês excepcional por causa do incentivo do governo para a compra de carros de entrada. Portanto, a queda de 8,6% nos licenciamentos não surpreendeu o setor. Foram vendidos 196.977 carros e comerciais leves, contra 215.584 em julho e uma média diária de 8.564 unidades (contra 10.276). Em relação a agosto do ano passado (195.030) houve um pequeno crescimento, +1%. Mesmo assim, agosto foi o segundo melhor mês do ano.
Com 45.474 unidades, a Fiat fechou agosto mais uma vez na licença de vendas, bem distante dos principais concorrentes, GM e Volkswagen. A italiana ficou com 23,1% de participação, contra 15,1% da GNM (29.650 carros vendidos) e 14,7% da Volkswagen (29.018). Toyota (9,2% e 18.070 carros) e Hyundai (8% e 15.713 fecham a lista das cinco marcas mais vendidas (veja os Dez Mais).
No acumulado do ano foram vendidas 1.349.413 unidades, um crescimento de 10,5% sobre o período janeiro-agosto do ano passado, quando foram licenciados 1.220.408 carros e comerciais leves.
A Strada permanece na licença por modelo depois de oito meses. Vendeu 73.805 unidades este ano e tem 5,5% de participação. A disputa pelo segundo lugar está entre o Onix hatch (62.716 unidades licenciadas) e o Polo (62.413), ambos com 4,6% de participação. Veja o ranking dos dez mais vendidos no ano.
Ranking por marca
Agosto/2023
Ranking por modelo
Janeiro-agosto/2023